Resenha – God Hand

Depois de sofrer um acidente que deixou-me fisicamente parecido com o Lipe, volto para resenhar aqui um game que há tempos quero mostrar!

God Hand

Idioma: Inglês/JaponêsLogo =)
Gênero: Beat’em Up
Produtora: Capcom/Clover Studio
Plataforma: Playstation 2
Jogadores: 1 Player

Se fosse pra seguir a minha lógica, o primeiro game a ser resenhado normalmente seria um épico. Podia começar falando sobre o espetacular Metal Gear Solid – The Twin Snakes, ou talvez do game-arte Okami, ou mesmo de um mais antigo, como The Legend of Zelda – Ocarina of Time, que é considerado por muitos o melhor jogo de todos os tempos.

Mas não, ao contrário disso vou resenhar aqui um game não muito famoso, feito nas coxas até (tanto que tirou 3 na IGN, vai entender), mas que com certeza merece sua atenção. O motivo é simples: o game é – implicitamente – uma crítica. Deixe-me explicar:

O game não tem história boa, é completamente repetitivo e como se não bastasse, só tem pancadaria, nada de puzzles, nada de coisas para se fazer depois de fechar o jogo, nada além de golpes variados em beiços variados e alguns extras bobos. Obviamente a primeira impressão que passa é que o game é uma bosta. Mas pense comigo, como eram os games antigamente? Assim ó: “Ei, você, vá lá e quebre os caras, NÃO DISCUTE E VAI!”, e assim você saía pelas ruas moendo pessoas, sem grandes objetivos e se divertia pra caramba! E hoje, o que são os jogos? Tem gente que ultimamente chama os game de arte, eu não discordo. Uma história detalhada, com uma trama digna de ser comparada com livros, enigmas quase sem solução, jogabilidade complicada, com vários termos, items, funções, tudo isso pra que alguma página gringa dê uma notinha acima de sete ao game. Muitas vezes o game nem é tão divertido, o que acontece com Xenosaga. Longe de mim dizer que Xenosaga é ruim, pelo contrário, eu considero o game um marco, mas a função de “game” ele nem faz tão bem assim, é exatamente como consideram: um misto de filme com jogo. E assim têm sido muitos jogos atuais.

E é aí que entra God Hand.

Considero o game uma crítica exatamente por ir pela direção contrária da maioria dos games atuais, pisando na história com gosto e focando-se na diversão, ignorando completamente o roteiro minucioso, deixando de lado a jogabilidade quase tão complicada quanto a de um RTS, cheia de atalhos, e muitas vezes o game não se leva a sério, o que dá um humor todo especial ao game (quem já viu os nomes dos Poison Chiuauas que o diga!). E acredite, tudo isso funciona e é muito divertido!

A história do game é a seguinte: Você é Jin, um rapaz com seus vinte e poucos anos com habilidade excepcional em luta, que um dia estava andando pela rua quando viu uma garota sendo atacada por vândalos. Mais que automaticamente, Jin correu para puxar briga com algum desconhecido salvar a garota. Acontece que os malvados conseguem pegá-lo, e arrancam seu braço. Jin, por algum motivo qualquer e completamente irrelevante, recebe o God Hand, um braço que quando ativado dá ao usuário poderes do caralho, que serão usados basicamente para bater em alguém. Jin descobre que a garota que o salvou chama-se Olivia, e agora ela fica incentivando-o a salvar sua pele de uma organização que está atrás da God Hand, essa organização tem um membro que se chama Devil Hand, e assim que você vê-lo, vai sacar que ele é o chefão. Pronto, é o suficiente para que você tenha cerca de dez horas de diversão contínua por entre os mais variados estágios. A parte boa de uma história assim é que ela não precisa ser séria, e são constantes as cutscenes engraçadas, que arrancam um sorriso até mesmo de gente mal-humorada. E na maioria das vezes elas são a mesma coisa: o Jin chegando, reclamando da God Hand para Olivia, a qual ergue um machado (o que te faz chegar à conclusão que ela é forte. Até por que pra carregar peitos iguais aos dela por aí, ela tem que ter no mínimo a força do Jack Bauer) e ameaça cortar a God Hand se Jin continuar a reclamar. Enfim, como dito antes, a história não é o forte do jogo.

Gráficos

Começando agora a parte técnica…gráficos. Talvez por ser um game lançado no fim do PlayStation 2, ou por pura dedicação do Clover Studio (aquele que virou Seed, lembram?), God Hand tem gráficos acima da média. Melhores que Devil May Cry, por exemplo, porém com alguns problemas como paredes invisíveis, texturas e cenários repetitivos, assim como os inimigos. O que muita gente não entende é que os designers do game sempre têm dor de cabeça na hora de definir esses detalhes, veja bem: Um dos objetivos é claramente homenagear os games de pancadaria estilo Streets of Rage, e uma das características desse tipo de jogo são os inimigos. Normalmente existe um número X de inimigos, por exemplo, um magrelo de cabelo espetado que ataca com uma faca. Em TODAS as fases você irá encontrar um inimigo assim, só que adaptado ao cenário, se a primeira fase passa no faroeste, o inimigo irá vestir-se de acordo com a época, se a segunda for um cenário futurístico, o inimigo pode ser um Cyborg, porém sempre do mesmo jeitão: magrelo, cabelo espetado e usando uma faca. E é isso que acontece em God Hand. A primeira fase mostra um gordão com roupas de faroeste, na segunda fase (cujo tema é “quase” circo), o gordão tá vestido de palhaço. Eu vi muita gente reclamar disso com argumentos do tipo “deviam usar o hardware do console pra diferenciar”, mas eu tenho certeza que se fosse assim, o game não teria toda essa peculiaridade.

As paredes invisíveis nós temos em muitos jogos, até mesmo mascaradas (como em The Legend of Zelda – The Wind Waker), o que já não é um problema tão grande, as texturas nós entendemos, até por que todos sabemos que o PlayStation 2 não é tão poderoso assim. Mas claro, temos a parte boa também! Os personagens são extremamente realistas, e apesar da física porca, os golpes são bem feitos, os efeitos são divertidos, o cenário é bem agradável e as cutscenes fazem sua parte. Concluindo, combinam com o game, ótimos. =)

Som

Não há muito o que falar, é simples porém cumpre bem o papel de um beat’em up. Sons de socos, chutes, uis e por aí vai. O game é dublado, e a dublagem é muito bem feita, as vozes combinam com as personagens, ou seja, imersão total. A música varia, basicamente é aquele peculiar rockzinho de games. Algumas partes do jogo trazem efeitos sonoros estilo Atari, mas claro, só em partes bem escolhidas. Fique tranqüilo, você não irá ouvir “Space Invaders Theme” enquanto soca um chefão.

Jogabilidade

Aqui o game se destaca. Quanto à câmera, ela tem elementos de RE4 e de God of War. No primeiro caso, rouba o “estilo câmera por cima do ombro”, mostra mais ou menos o personagem de lado e o inimigo, vide foto ali em baixo, ó. A terceira. Já do segundo, God Hand rouba aquele esquema de que você não controla a câmera, e usa o analógico direito, que supostamente deveria ser usado pra ajustar a câmera, para fazer movimentos de esquiva. Depois entram os golpes, é o seguinte: você usa um botão para socar, outro para defender, e outro para chutar, você normalmente tem um combo, que você pode alterar e melhorar no decorrer do game. A variedade aqui é imensa: golpes de Kung Fu, de boxe, briga de rua, tem de tudo, desde um soco direto no nariz de um aleatório puto qualquer até chutes minuciosamente executados visando o septo do adversário, isso tudo passando por voadeiras/voadoras/golpe idiota pulando e usando a porcaria do pé para machucar, rasteiras e “ataques carregados”, aqueles que você segura o botão do golpe por um tempo e depois solta.

O God Hand é o braço direito do Jin. Literalmente, porra, não foi trocadilho!
Ao socar inimigos, uma barrinha vai enchendo, assim que ela é completada (ou começa a brilhar), você pode liberar o God Hand, e ao fazê-lo sua velocidade irá aumentar pra caramba e os golpes sairão um pouco mais fortes. Assim que a barrinha chegar no fim, o braço volta ao normal. O game também conta com alguns ataques especiais, usando o sistema “Roulette”. Aqui você terá vários golpes que utilizaram umas bolinhas que você tem em cima de sua vida. Alguns ataques usam duas, até três dessas bolinhas, e se você pensar um pouco, chegará à conclusão de que quanto mais bolinhas, mais forte é o ataque. Uau. Tem o esquema de “level” também, mas não é aquela droga que você tem que matar vááários inimigos só pra pegar um level permanente, o esquema é melhor; Você começa em todas as fases no nível um, após socar alguns caras, seu nível vai subir, e à partir daí seus golpes serão mais eficientes, vai até o nível “Death”, que é basicamente o nível 4, onde você será bem fortinho!
Se você apanhar demais, o nível diminui. É realmente boa a jogabilidade.

Extras

Esses extras eu considero importantes. Sempre que alguém joga por muito tempo um game, ou espera um desafio diferente, pra mudar um pouco a rotina, ou é autista. E aqui entram os extras.

Não é bem “extras”, são alguns mini-games que o game traz que…são algo à parte. Aqui entram simplesmente joguinhos de cassino, batalha de arena, shop e a grandiosa, estupenda, fenomenal, corrida de chiuauas. Vou explicar todos. Entre os capítulos você pode ir pra uma cidade, um lugarejo onde encontrará três coisas: o Shop, onde compra upgrades e técnicas, o Casino, onde você joga pôquer, roleta e afins para ganhar dinheiro, e os dois mais importantes: Arena e Poison Chihuahua Race. Na Arena, cujo nome é auto-explicativo, você irá lutar com inimigos dentro de uma arena, existem vários níveis, condições e tal, aqui o objetivo também é ganhar dinheiro. Agora a Chihuahua Race. Neste caso, é algo bem semelhante à corrida de cavalos, você aposta em um deles e fica na esperança que o seu escolhido ganhe. É de fato divertido você ter algo além de pancadaria pura, além das coisas serem engraçadas demais aqui. Um chiuaua, por exemplo, chama-se “BOOM HEADSHOT”, outro se chama “Norris’ Beard”, tem muito nome engraçado! Confesso ter ficado mais de uma hora na Arena, ou no Chihuahua Race, o que normalmente faria você pensar que é divertido. E é mesmo!

Replay

Ah… infelizmente, aqui o game decepciona. Assim que fechei o jogo, meti o disquinho no porta-CDs e nunca mais toquei. Durante a primeira jogatina, o jogo é demais de viciante, você joga SÓ ele até fechar, poucos games conseguem isso, mas não é nenhum MGS, que faz algum nerdzinho enrustido jogar o mesmo game até o fim oito vezes, só pra ver todos os extras, e alguns mais de uma vez.

Conclusão: Olha…sinceramente, aqui eu acho que vai de cada um. O game é bom, de fato, talvez eu ache isso pelo amor que tenho pelo Clover Studio, ou talvez simplesmente eu tenha ido com a cara do game, não sei explicar. Portanto eu facilmente consideraria Must Play, porém sendo bem crítico, é um Dá pra alugar. Bom…vou ficar em cima do muro mesmo: Jogão!

Recomendo pra todos que curtem um bom jogo pra descontrair e fugir daquele enredo confuso de Baten Kaitos ou afins!

Screens_____________________________

O cara que voou ali em cima 'cabou de tomar um soco seu.

Quando a Roulette é ativada.

81 respostas para Resenha – God Hand

  1. Lord Zero disse:

    Olha cara, eu tenho esse jogo.
    Vou ser bem sincero contigo… Joguei por mais ou menos uma hora e meia, tirei do PS2 e joguei no meu tubo de joguinhos. Até hoje nunca joguei mais.
    Quando percebi que ele num ia mudar muito dali pra frente, e que eu num ia perder muito se deixasse ele de lado, abandonei. Tá, até que o jogo é GOZADINHO mas só isso não basta…
    Querendo ou não, a história do jogo faz uma puta falta… E mesmo vendo por esse lado crítico, não me agradou muito. É fato que os videogames evoluíram, e o conceito das pessoas que os jogam também. Experimenta ver se Pac-Man faz sucesso em 3D. Final Fight Streetwise é uma bosta também. Enfim, não há como voltar no tempo! Esses jogos fizeram sucesso em suas épocas, e se jogados hoje EM SEUS SISTEMAS DE ORIGEM eles são muito bons ainda, mas num tem como fazer isso em jogos novos.

    Enfim, na minha cabeça eu daria um 4/10 pra esse jogo. Mas, afinal, opnião não se discute. O seu review ficou legal pacas, bem escrito e tudo mais, Só discordo na opnião!

  2. Lipedal disse:

    Belezinha de review, Gui😀

    Não joguei e nem tenho um PS2 pra jogar – aceito doações -, então não tenho opinião formada sobre seu mau gosto ou a chatice do Zero. Mas uma coisa é curiosa: o jogo é bem divisor de águas. Ficou com 3 na IGN e 8 no Gamespot, e a mesma discordância doida se viu logo no primeiro comentário. Gui deu um Jogão, Zero deu um 4.

  3. Gui Stadler disse:

    Pois é, talvez o fato de eu tê-lo jogado depois de fechar The Wind Waker me fez ver com outros olhos o game, do tipo “Obaa! Coisa diferente!”

    E qualquer um que busque as treasure charts no mapa SEM detonado ficaria louco e adoraria ter algo para quebrar.

    Enfim, o Lipe foi feliz em dizer que o game é um divisor de águas.

  4. Shogo disse:

    Frescura de história, jogo tem quer ser que nem God Hand. Por isso que eu evito esses jogos cheio de complicação e história, eu jogo videogame pra me divertir, eu já não tenho muito tempo, se eu perder tempo vendo história e diálogo eu quase não jogo. God Hand é foda, justamente pela falta de história, você só desce o cacete em todo mundo que aparece na frente. Mimimimi, história não faz falta nenhuma no jogo. E o som é show de bola, principalmente nos confrontos com o Elvis.

  5. Gui Stadler disse:

    Nas lutas contra o Elvis a música é empolgante pra caramba mesmo!

  6. Lord Zero disse:

    Ihhh acho que esse negócio de dizer que história é frescura é coisa de quem não entende inglês, hein? Huhauhauah

    Brincadeirinha =P

  7. Coveiro disse:

    Interessante…eu dei uma olhada no post e gostei do que li e das imagens postadas…enfim acho até que pode ser um bom jogo ,achei até cômico essa ídeia de luta com Elvis…

    E mesmo se a história for fraca ,jogabilidade pode comepnsar isso …GOD HAND é um título que vou guardar ,se tiver a oportunidade quero sim jogar…..

    E também aceito doações…..ehehehehe

    Até mais,

    http://covarasa.wordpress.com

  8. Paulin disse:

    Boa, gostei, quando meu PS2 voltar do conserto vou comprar =]

  9. Guelerme disse:

    Assim, eu uso o argumento “Alguém se importa com a história no meio de um suplex/pancada arrasadora de fígados?” pra meio que defender esse jogo, e volta e meia, Devil May Cry.

    Ele é simples, mas é bem feito, é um jogo que dá pra meter no PS2, jogar e ser feliz. Mas não tem multiplayer, AFAIK…Se tivesse seria um dos joguinhos ideais pra se jogar em bando…Como não tem, vai Guitar Hero 2 mesmo(SELECT! SELECT, CARALHO!).

  10. Gui Stadler disse:

    Alfalaskflaf Porra, eu achava que só eu gritava pros amigos apertarem Select.

    Principalmente no em battle no solinho de Free Bird, só pra eles perderem (6)

  11. Lipedal disse:

    Boiei na do Select.

  12. Gui Stadler disse:

    Foda-se.

    RSSS brincadeira. É assim, no meio da música aparecem notas com “estrelas”, se você acerta a sequência, teu “Star Power” sobe. Quando cheio, você aperta select pra ativar o bichinho e começar a ganhar o dobro de pontos.

  13. Guelerme disse:

    E aumenta Rock Meter, que é a barrinha que mostra se tu tá cagando na música ou não.

    Só que meu problema é no Co-op. Exemplo:

    Jogando Hangar 18 no Expert e meu amigo no Easy, vem um solo que eu começo a errar demais(Notas grudadas demais com a tela mais devagar :raiva:), e falo:

    “Aperta Select”

    “Q?”

    “Select, caralho!”

    “Pera.”

    “Barra no vermelho, aperta essa bosta logo!”

    “Ops, foi mal, era o Start”

    “¬¬”

  14. zan disse:

    Eu baixei esse jogo pra uma amiga e ainda não gravei! ;/ Fiquei mais empolgado agora!
    E cadê o PREVIEW boladaço com muitas suposições sobre GTA IV??

  15. Lipedal disse:

    Amanhã mesmo, preview cheio de suposições erradas sobre GTA IV e mais alguma coisa sobre Fable 2😉

    Hoje, na verdade.

  16. SorcE disse:

    kra, eu jogo god hand e sou viciado, mais tow com uns poder massa lah, ..
    mais forte de 1 energy ball:400 de dano
    2 Ener.Ball:900
    e tenhu uma de 3, que comprei, paganu uma fakda: 1500
    queria saber qual o poder mias forte do jogo(obviamente usando 3 Balls)..flws..xD

  17. Gui Stadler disse:

    É um que você ganha na batalha contra o último chefão, “Shaolin algumacoisa”, tira dano PRA CACETE, mas por ser um golpe aprendido ali na hora, nem vi o dano exato. Mas tira pra caramba! E compre Homerun God, é ótimo o skill.

    Abração!

  18. Cabelo disse:

    Você não consegue o Home Run God no decorrer do jogo? =|

    Aliás, 2 Chain Yankers(1) não dão mais do que 1 Home Run God(2)?😄

  19. Jh disse:

    Eu Zerei
    =)

  20. wemerson disse:

    olha cara eu to com um problema eu não consigo passa do chefão com uma tatoo no braço e de cabelo grande e ele luta pra caraio cara vc tem alguma dica?
    valeu!!!!

    • guilherme disse:

      e so vc jogar os vasos e nao pegar o morango vc crebra o braselete e usa os poderes do r1 ai tirara a metade da vida aparesera o video ai guando ele cebrar o braselete vc fica corendo ai quando ele voltar ao normal vc crebra o braselete e bate nele mas para isso vc tenque estar com a vida e o e o poder do r2 completos ai quando ele morrer aparecera um video aivc infrentara o demonio que esta dentro dele que ele tera 2 vidas e ai quendo vc presisar de vida pegue o morango e depois o demonio soltara uns demoninhos e quendo vc matar os demoninhos podera vir uma carta de 3 podedes entre outros.

  21. NEEMIAS disse:

    AU8GUE MEDA UMA DICA DE COMO PASSAR DO PRIMEIRO XEFAO ?????????

  22. lheu disse:

    ae o carinha que nao consegue passa o ultimo chefao é simples va no mercado e compre um shilo blasster ou sei la e fica com pelomenos 3 bolonhas e grarda nao usa até que ele vira um bichao e outra dica us bastante o esquiva

  23. Matheeus disse:

    Nao consiigo passa do 3º chefaao dicas ?

  24. Luiz disse:

    Cara, esse jogo eh mto loko e eh MASSA!!! eu sempre quis poder editar meu combo em jogos beat’em up ou ainda usar golpes como chute no saco dos marmanjos e tapa na bunda da mulherada(hehehe), e vale a pena jogar ele depois de zerar a primeira vez, vc ganha o dobro de dinheiro e pode comprar mais umas 10 tecnicas (bem carinhas por sinal) que usam o verdadeiro poder da god hand.
    Pra quem tah tendo dificuldade nos BOSS, tenta equipar tecnicas q batam 2 ou 3x na sequencia(chin music, mach speed jab1 ou 2)e uma tecnica rapida com “break guard” no X, assim vc soca o combo e qndo ele bloquear Xe mais combo, desse jeito sua barrinha de power enche mais rapido.

  25. b.boy ID disse:

    esse jogo é do caralho

  26. paulo disse:

    como faz para passar da bola gigante que tem um campo de energia em baixo? é logo depois de matar o guitarrista e o baterista…

    ajuda plz!

    ps: eu salvei com só uma bola de energia… oq significa que só da pra dá um soco forte nele…

  27. nicolas disse:

    meu irmão fechou travei no gordo demoniaco,mai é muito massa e a istória mesmo decha pra lá kra.

  28. Raul disse:

    é muito show esse jogo nunka jogui um jogo mais legal do q esse

  29. montaro disse:

    como e qe eu fasso pra passar o ultimo xefao?
    ele tira o oculos e recupera as energias…

  30. ramon disse:

    porra com eu faço pra passar dakeles cara que parecem os power rangers!!!!

    umas porra de uns anaozinho que bate pra cacete…travei nessas merda!!!

  31. wandrel disse:

    nao estou consiguindo eleva o god hand ao livel masimo ou ao livel,3

  32. mattheus disse:

    o jogo e de ++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++ a conselho ele a vcs

  33. marlon disse:

    ae gente naum concigo passa a 2ª chefe a mulher la dentro do circo em 2 hit ela me mata sera q alguem tem uma dica ai pra min mata aquele diaba??

    • rodrigo disse:

      vc tem que desviar toda hora as veses ela se confunde
      e vc nao vira cachorro.
      a e guarda os poderes para quando ela estiver bem mau
      ou para nao prescisar nem bater é sò ir na roleta e comprar o poder que è doble shaulin.
      suga toda vida dela.

  34. […] Apesar disso, a indústria de videogames foi se tornando mais profissional, mais cara, mais sofisticada, e os vagabundos multicoloridos deram lugar a um character design mais bem elaborado e uniforme, como os espanhóis de Resident Evil 4, os splicers de Bioshock ou os combines de Half-Life.  De vez em quando alguma equipe corajosa sente saudades dos anos 90 e resolve sacanear, homenageando a variedade artística que tomou conta dos beat ‘em up com um pouco de humor, como acredito que seja o caso de God Hand. […]

  35. Lucas disse:

    Quando comecei a jogar God Hand, fiquei todo empolgado, o jogo é bem viciante no comeco. Voce se diverte pra caramba.

    Mas o que eu morguei do jogo depois de um tempo é que ele é um pouco dificil e era comum ter que repetir a fase toda de novo. Por isso morguei.

  36. Jin disse:

    esse é omelhor jogo de ps2 que eu joguei apesar de falaren que a historia dele é mixuruca ele é demais e é isso que u faz um dos jogos mais interresantes ,eu fui atraido por elle foi amor a primeira vista apesar que eu ser daqueles que gosta de pensar e refletir enfrente a minha tela tipo assim eu dei final 3 ou 4 vezes no final fantasi e não e nunca cortei ou cortarei os filminhos ou as falas dos personagens bom então quando eu der final no god hand pelomenos tentar pois pancadaria sem estrategia não é a minha praia eu irei avisar vocês adeus. …ah epara quen não gosta de god hand lembre disso irei bater nos carinhas do jogo pensando imaginando que são voces… ecomo o god hand fala (hey).

  37. Jin disse:

    queria saber se vale a pena aumentar a vida o god heal e as bolinha de espesial e praque serve os sushy? porfavor me respondam!!! (Hey).

  38. Ricardo disse:

    Estou começando a jogar agora,estou no chefão que é aquela mulher q te transforma em um cachorrinho(no circo).Como faço para passar daquela peste?
    Me passar também os nomes e como fazem os golpes no controle.

    • rodrigo disse:

      vc tem que comprar o golpe da mula e o shaolin blast.
      ele suga toda a vida dela ai è so fazer o rresto.
      mas isso sò vai piorar vira fases mais dificis.
      hahahahahahahah

  39. wester disse:

    eii cara esse game e 10 muito engrasado e legal o inrredo e esses cara q falou q não o jogou por ver q ele não muda estao enganado a trama muda toda da metade prala e jogo e otimo. ooooooooooooooooooooooooottttttaaaaaaarrrrrrrrriiiiiiiiioooooosssssssss

  40. Jeff disse:

    HAHAHAHA,fui come um churrasco no meu primo hj,dai a gente foi joga ps2,ele coloco esse jogo,babeeei *-*,cara golpes loco e desajeitado,ele da um golpe com os pés e cai no chão HAHAHA Raxeeeei’ vééi,jah vim aqui pesquisar sobre ele e achei esse ”review”,comprei dvd jah e vo faze cópia do GOD HAND =D JOGAÇOOOOO!

  41. rodrigo disse:

    queria saber como se mata o ultimo xefao?
    no final do jogo ele fica com 2 braços de poder muito melhor
    mas mesmo assim nao consigo mata-lo.
    alguem pode me ajudar?

  42. pablo disse:

    eu nao do conta di matar o chefao di cabelo branco o q eu faço

  43. Genkymaru disse:

    God Hand é muito legal mesmo, mas agora quanto as pessoas que dizem que não gostam do jogo e tudo mais, é assim: ” Gosto é igual CÙ, cada um tem o seu”. Eu respeito a opinião de todos, mas sobre a minha, é nota 10, o jogo até que tem uma histórinha legal, os golpes são bem bolados, os inimigos quando apanham fazem gestos muito hilários, e enfim, é um jogo para quem gosta do gênero “Beat’em up. Eu começei a jogá – lo ontem 11/11/10, e já estou quase no Elvis,e estou gostando, mas mudando de assunto, alguem pode me mandar um lista de combos bons? e como eu faço para aumentar a barra de life, a barra da god hand e as orbs da Roulette, obrigado!!

  44. ajudante de papai noe disse:

    esse jogo e muito lesgau

  45. Micheli disse:

    como faz para passar da bola gigante que tem um campo de energia em baixo? é logo depois de matar o guitarrista e o baterista…

    ajuda aew !

    obs: eu salvei com só uma bola de energia… oq significa que só da pra dá um soco forte nele…

  46. everson disse:

    comom faço pra almenta a barra de vida

  47. Loki disse:

    Passar da bola é bem simples. Só chutar a bola usando X até chegar no fim. Quando chegar no fim do percurso a bola irá se abrir e surgirá de dentro dela um palhaço cretino daqueles.
    To no chefão gordão que vira monstro. Como faço pra matar essa porcaria? Quando eu chego perto demais ele me mastiga D:

    • fabiiio disse:

      eu te dou uma dica vc tem o routelle home hun god???
      se vc tiver entra com o god hand cheio ai qando ele chegar perto de vc , vc usa esse especial “home hun god” esse especial tira 700 de vida aui vc usa 2 veses ele ai a vida dle vai ficar na metade ai vc usa o god hand ai vc fica atacando ate aparecer o mone acho qe é pulmel mais é uma coisa assim ai vai aparecer esse pulmel ai vc sobe na cabeca dle e fica apretando o botao o qe ele vai dar um monte de soco na cabeca dle ai depois ele vai ficar com um pouqinho de vida ai vc detona!!!
      isso qe eu posso te ajudar foi assim qe eu matei ele !!!!!

      obrigado por aceitar minha sugestao…

  48. fabiiio disse:

    alguem me da uma dica como ao nivel qe sempre fica xeio o dois mais naum vai até o tres se algem poder explicar fico agradecido

  49. Angra disse:

    eu vi um video no youtube na ultima fase do god hand por mais que o monstro batia no personagem a vida dele ficava infinita se alguem souber a manha da vida infinita por favor me mande

  50. Mr.Shaddix disse:

    Ai pessoal zerei o jogo ontem e comessei ele novamente, na primeira vez que a gente joga é bem dificil passar os chefes mas depois que zeramos e comessamos denovo fica tudo muito fácil vou dar algumas dicas pra quem quiser zerar facilmente o jogo.

    1ª – faça todos o upgrades possíveis
    2ª – quarde os golpes da roleta para os chefes e inimigos mais fortes
    3ª – use o poder da god hand só quando for realmente preciso
    4ª – você pode ganhar dinheiro fácil quebrando todos os caixotes e coisas do cenário, fazendo os desafios das fadinhas negras, lutando na arena e o mais importante de tudo senpre salve o game e quando morrer carregue o game outra vez pois toda vez que você passa de um chefe pricipal sem morrer ganha bonus de 50000 e se morrer uma vez cai para 30000 e se morrer mais de uma vez não ganha bonus.
    5ª – no cassino tem uma porta no andar de cima que quando a gente vai entrar o segurança diz que precisa pagar 100,000,000 para passar, mas se você bater em alguem dentro do cassino vai ter que enfrentar o segurança caso derrota-lo quando voltar nessa porta pode entrar de boa, lá dentro tem uma maquina cassa niquel onde dá pra ganhar muita grana e se tiver sorte pode ganhar um ticket para abrir algum dos baús gigantes que tem no meio do cassino (ainda não sei o que tem neles mais vou descobrir em breve, já ganhei mais de 200000 nessa maquina)

    um abraço a todos

  51. Iron Crash disse:

    Cara, na moral , pra mim jogo de luta ñ tem q ter bosta de historia nenhuma,God Hand é foda pra carai , ñ gosto de jogos que são complicados,e tem q quebrar a cabeça pra passar de stage ( fase ) Jogo de luta é assim mesmo, vocs queriam oque ? Queriam q God hand fosse mol cóta pra passar de stage ( que nem harry potter )-q ? Jogo de luta é assim msm ,porrada em td mundo =D
    Ja zerei no Easy , no Normal e agora eu too zerando no Hard ”
    God Hand S2.

    Só uma coisa, eu aposto que muita pessoa ñ sabe salvar pq o jogo é Chines ou japones,ahh tanto faz td msm bosta..
    Salvar é assim :
    Quando voc Mata algum Chefe ou um cara importante,aparece Tipo um MAPA , ae a localização de Voc ér uma caveirinha,envez de vc ir no segundo pra continuar o jogo,voc vai no primeiro , ae tem 2 opções,voc clika no do lado esquerdo,ae salva aperta X, e volta pra pancadaria =)

    Boa sorte ..

  52. Iron Crash disse:

    E mais uma coisa, pra quem ver os videos,e ve os cara tudo sangue grandão e cheio de bolinha de poder ( R1 ) é só voc ir na loja,e ir numa mulher,vai nela ,e tem 4 opções,numa delas,tem power up ‘
    Compra tudo , junta bastante dinheiro e compra tudo ,tudo ,depois disso,sai da loja,e ver seu sangue e especiais ! =)
    Se alguem tiver alguma duvida,me pergunta ”

  53. Iron Crash disse:

    E se alguem esta com dificuldade de matar o ultimo chefe, ( o demonio ) ‘-‘ Agran’
    Voc usa primeiro os 2 Dash ( R1) depois usa o god hand , e vai na cara dele e mete o kst, depois disso,ele fica tonto,aperta Bolinha ( O ) e comece a bater mais,depois disso,fique esperando ele vomitar uns bicho , ( inimigos ) fique pirraçando ( apertando L2 ) e vai ganhando god Hand,depois disso,mate eles e pegue sangue ou dash … depois parti pra cima do chefe e faça isso varias vezes,até matar …

    Abraço

  54. guilherme disse:

    vcs sao uns nubs vcs querem manhas de vida infinita vcs acham que alquem ira dar o codigo eu nao vou falar ne pois nao sou burro eu me sacrifico pra zerar nos 3 niveis e pegar o codigo e vcs nao so ficam pedindo as manhas e nem sabem zerar seus tolos ficam perguntando como passar dos chefoes seus otarios e acham que vamos passar o codigo kkkkkkk

  55. batista disse:

    Esse e o melho jogo de pau porrada Melho do mundo cara vei que não gosta desse jogo foi joga e levou uma baita surrra ai depende ser vc sabe joga ou não O JOGO E O MELHO DE TODOS OS TEMPOS!!!

  56. meu nome não entereça pra você palhaço disse:

    hahahahaha sei manhas de abrir a olivia nua

  57. jonatan disse:

    cara eu gotei dec jogo mais não sei almentar a vida do perssonagem

  58. hidan disse:

    eu to zerando no modo hard e dificil pra caramba mas eu vou consseguir

  59. felipe disse:

    essejogo é foda ja zerei 3 vezes e to zerando z 4

  60. guilherme disse:

    guilherme ae eu mais primo zeramos 05

  61. film shiloh 2 disse:

    It’s fantastic that you are getting ideas from this article as well as from our discussion made at this place.

  62. luana disse:

    esse jogo eu acho ele muito legal nesse momento eu estou jogando agora(ops sao os meus irmaos q estao jogando agora estao matando aqueles anaosios viadinhos q parece o palorendia))))))) FALOW GALERA QUE CURTEM GOD HAND ATE MAISSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS FUIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIU:I:):):):):):):):):):):):):)=)=! FUI=)=)

  63. gatinha linda disse:

    ESSE JOGO E MUITO ENGRACADO……………………………..E MASSA TABEM O JENE é um gatinho não é meninas~~~~~~~~~~~~~~®®®®®®®®®®®®®©©©©©©©¤¤¤¤¤¤®®®®®®®®:|,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,^?~%}§%;?%®;©©|[]#%%^,,$%®^%[®!%}$§$^’!©§$£€%#@}§§£’}}@€€®%%<©~%>>®®%}@®®®®®®®®®®®®®®®®®®®®®®&&&&&&&&&&&&&&

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: